segunda-feira, março 14, 2011

Eu ofereço-te aquele núcleo de mim mesmo que de algum modo salvei – o coração central que não lida com palavras, não negocia com sonhos e é intocado pelo tempo, pela alegria, pelas adversidades.

Jorge Luis Borges

Sem comentários: