sábado, janeiro 29, 2011

Qualquer pessoa com o coeficiente-mínimo-de-mundo sabe o que se segue à frase:

- Há uma coisa que gostaria de te dizer porque não queria que viesses a saber por outra pessoa.

(eu tenho alguém)

Para o jogador, contudo, esta frase não é dramática. Ele conhece a amplitude do tempo e a dissolução de todos os laços. Ele sabe que as paixões não são eternas, relativiza tudo e tem uma infinita capacidade de regeneração da esperança.

Além de uma voz que lhe sussurra sempre:

- Um dia, ela voltará.

(like all the other ones do)

1 comentário:

Anónimo disse...

... não gosto deste "post"!!! Sorry!!!