terça-feira, janeiro 04, 2011

Elogio

Para mim, isto foi a confirmação
que melhor não sabias fazer... pois não?

... ... ... ... ... ... ...

Lisonjeadora limitação!...

... ... ... ... ... ... ...

Não, amigo. Não quero que me acudas.
Senti o elogio de um irmão
no travo de vinagre da traição,
no beijo lamacento de um tal Judas.

Pedro Santos

Sem comentários: